Conheça os tipos de pneus

Os pneus são um dos fatores mais importantes para a mobilidade do carro. Eles também estão diretamente relacionados com o conforto e bom desempenho do carro durante uma viagem. Por serem tão relevantes, existem vários tipos de pneus para permitir uma melhor adaptação do seu carro com o solo que ele percorre.

Para compreender melhor as especificidades de cada tipo de pneu, é necessário se familiarizar com alguns termos antes:

  • Bandas de rodagem: são toda a parte do pneu que fica em contato com o solo.
  • Sulcos: são desenhados nas bandas de rodagem. Essas cavidades têm a função de escoar a água em dias chuvosos, melhorando a estabilidade do carro e capacidade de frenagem.

Sabendo-se alguns desses conceitos básicos, a primeira diferença marcante entre os pneus deve-se ao fato de que eles podem ser diagonais/convencionais ou radiais.

Pneus diagonais

Os pneus diagonais têm a carcaça constituída por lonas sobrepostas. Essas lonas sobrepostas possuem um aspecto diagonal que nomeou esse tipo de pneu. O problema é que essa sobreposição forma uma camada espessa, menos flexível e mais propensa a aquecer.

Hoje em dia, os pneus diagonais são cada vez menos usados, pois estão sendo substituídos pelos pneus radiais.

Pneus radiais

Os pneus radiais são indicados para altas velocidades, pois sua banda de rodagem é mais duradoura e, portanto, mais apta a maiores acelerações. As bandas de rodagem desse tipo de pneu possuem cordas metálicas em seu interior que ficam em sentido radial. Essas cordas metálicas estabilizam a banda de rodagem, o que permite um melhor desempenho do pneu em curvas e em frenagens, além de dificultar que os pneus furem e colaborar para a economia de combustível do carro.

Por sua carcaça ser mais flexível, os pneus radiais são capazes de absorver choques e impactos e de se ajustarem a qualquer tipo de solo, demonstrando uma grande vantagem sobre os pneus diagonais.

Além dessas diferenças entre pneus radiais e diagonais, podemos ver diferenças relativas às bandas de rodagem. Assim, temos mais três tipos de pneus:

Pneus on-road

Os pneus on-road são o tipo mais comum de pneus por serem ideais para o solo asfaltado. Eles possuem sulcos estreitos, aumentando a área de contato dos pneus com o solo. Esses pneus se destacam pela sua capacidade de escoamento de água, sendo o tipo ideal para dias chuvosos.

Pneus off-road

Os pneus off-road são ideais para estradas de terra, lama, mato e pedras. Suas bandas de rodagem são mais espaçadas e seus sulcos são mais largos, além de possuírem uma estrutura mais resistente devido à sua carcaça reforçada. Os seus grandes sulcos permitem que os pneus mantenham a tração mesmo nos terrenos mais instáveis, apesar de que isso significa que seu desempenho na chuva não é tão bom quanto o dos pneus on-road.

Atenção! Os pneus off-road não devem ser usados em solo asfaltado, pois isso faz com que eles se desgastem com muita rapidez.

Pneus mistos

Os pneus mistos, também chamados de pneus de passeio, podem ser usados tanto no asfalto quanto em estradas de terra e lama, combinando características dos pneus on-road e off-road. Contudo, eles se adequam mais a solos asfaltados. Seus sucos são mais largos que os dos pneus on-road, mas não tão largos quanto os dos pneus off-road, o que permite que eles funcionem bem em estradas não-asfaltadas contanto que não seja em situações extremas. Os pneus mistos oferecem grande conforto e durabilidade.

Os pneus verdes são um tipo de pneu misto ecologicamente correto. Por serem fabricados de forma diferentes e com outros tipos de materiais, esses pneus são mais leves e menos ruidosos. Eles são considerados ecologicamente corretos porque possuem menor resistência ao rolamento, de forma a reduzir o consumo de combustível do carro e consequentemente diminuir a emissão de gases poluentes para a atmosfera.

Qual é o melhor tipo de pneu para dias chuvosos?

Andar em uma pista molhada pela chuva pode ser perigoso. Por isso, quando estiver chovendo, indica-se que o motorista dirija com o dobro de calma e atenção. Nas corridas automobilísticas, muitos motoristas trocam os pneus de seus carros assim que começa a chover. Dessa forma, eles asseguram que vão correr pela pista molhada sem derrapar e acabar ficando para trás. Mas como saber qual é o melhor pneu para o seu carro andar em dias chuvosos?

Uma característica comum a pneus com boa aderência a solos molhados é a banda de rodagem com sulcos profundos. Os sulcos permitem que a água passe pela borracha do pneu, impedindo que ele deslize pelo solo.

Por isso, é importante estar atento ao estado do seu pneu. Se os sulcos estiverem muito desgastados, essa capacidade de prevenir a aquaplanagem (ou seja, que o pneu perca a aderência pelo solo) pode ser prejudicada. Todos os pneus possuem um indicador TWI que informa quando é hora de trocar o pneu devido ao desgaste. Esse indicador merece muita atenção, pois assim você pode garantir que o seu pneu não seja motivo de multas e até mesmo de acidentes.

Ademais, os tipos de pneus usados também são importantíssimos para evitar um desgaste desnecessário. Se você ainda tem dúvidas sobre o melhor tipo de pneu para seu carro, consulte o manual. O tipo de pneu certo para o ambiente em que seu carro circula é mais duradouro e garante o conforto e acomodação da sua viagem.

Vila Valqueire
(21) 99077-3571 (21) 97483-4513
Realengo
(21) 98556-6813 (21) 98888-0560
Vila Valqueire
(21) 2453-1044 (21) 2453-4643 (21) 2453-4004
Realengo
(21) 2301-0696 (21) 3159-4923